5 de fev de 2008

Holandeses adoram o Brasil, de várias maneiras

A colonização holandesa no Brasil, iniciada no século XVII pelo desbravador Maurício de Nassau, criou laços, inclusive afetivos, que nunca se desfizeram. Um raro caso em que colonizados preservaram o respeito a quem os colonizou.

Além dos vínculos comerciais, o Brasil está em 12º lugar entre os destinos preferidos pelos holandeses para o turismo, principalmente a região Nordeste, onde Nassau desembarcou. A escolha dos turistas, contudo, nada tem de motivação histórica, mas pelas águas quentes das praias.

A costa da Holanda tem 530 quilômetros de extensão, banhada pelo mar do Norte, cujas correntes árticas fazem a temperatura da água nunca superar os 5º graus. Em pleno verão.

Entrar no mar do Norte, apenas no reveillon, auge do inverno, quando a sensação térmica beira os 10 graus negativos. Os holandeses acreditam que dois minutos nas águas congelantes, em trajes de banho, são suficientes para garantir a prosperidade no ano que chega.

Pelo visto, dá certo.